Nota de pesar pelo falecimento de Paulo Emílio Ribeiro de Vilhena



A Presidência do Tribunal Superior do Trabalho, em nome dos ministros da Corte, manifesta profundo pesar pelo falecimento do desembargador do trabalho aposentado e advogado Paulo Emílio Ribeiro de Vilhena, ocorrida neste sábado (27) em Belo Horizonte.

Nascido em São Gonçalo do Sapucaí (MG) em 6 de maio de 1926, prestou o primeiro concurso para Juiz do Trabalho em Belo Horizonte, presidiu o Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (MG) no biênio 1975/1977 e atuou como convocado no TST durante três anos. 

Além de professor emérito livre docente da faculdade de direito da UFMG por 30 anos e da PUC por quatro anos, Paulo Emílio é autor de obras de referência no Direito do Trabalho, como "Relação de Emprego" e "O Contrato de Trabalho com o Estado", e membro da Academia Brasileira de Direito do Trabalho.

(Secom/TST. Foto: ANDT)
 

Inscrição no Canal Youtube do TST